Domingo, 25 de Julho de 2021
(31) 99129-8046
EDUCAÇÃO Educação

MEC  publica oferta de bolsas e cursos para alfabetização

Portarias publicadas no DOU orienta sobre a formação continuada dentro do programa Tempo de Aprender

21/07/2021 10h55
34
Por: Redação Fonte: R7

O MEC (Ministério da Educação) publicou nesta quarta-feira (21) no DOU (Diário Oficial da União) orientações para a formação continuada de professores e gestores dentro do programa de alfabetização Tempo de Aprender.

A portaria organiza uma Rede de Articulação de Professores e Gestores da Alfabetização e da Educação Infantil, que "será composta por duas setoriais, que se dedicarão à formação de professores e de gestores do 1º ano e do 2º ano do ensino fundamental e da educação infantil." Uma parte da rede será destinada a formação de professores e a outra de gestores. 

Esses articuladores vão atuar como multiplicadores nas redes de ensino e vão compor compor o Banco Nacional da Rede de Articulação de Professores e Gestores da Alfabetização e da Educação Infantil, mantido e atualizado pelo MEC. A portaria não informa o número de articuladores. 

Os articuladores receberão uma bolsa de estudos de R$ 900 mensais pago pelo FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação).  A bolsa será paga ao articulador que ministrar as formações previamente planejadas e só poderão receber aqueles que participarem e concluírem todo o conteúdo referencial online referente ao ciclo de formação.

As formações serão realizadas por ciclos temáticos, que terão participação presencial e online e devem ser concluído, de acordo com calendário apresentado pelo MEC, até dezembro de 2022. 

Alfabetização

Tempo de Aprender é um programa de alfabetização do governo federal com foco em melhoras a qualidade de aprendizagem de estudantes de escolas públicas do país. Para isso, o programa realiza ações que atuam no sentido de aprimorar a formação pedagógica e gerencial de docentes e gestores; disponibiliza materiais para alunos, professores e gestores educacionais; busca aprimorar o acompanhamento da aprendizagem dos alunos, por meio de atenção individualizada; e valorizar os professores e gestores da alfabetização.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias