TERÇA-FEIRA, 17 DE SET DE 2019
Untitled Document
NOTICIÁRIO - GERAIS
28 DE AGOSTO DE 2019
Sabarense busca apoio para estudar na Rússia

Se tornar um médico é o sonho de muitos brasileiros, mas esse desejo muitas vezes não se realiza devido a grande concorrência das universidades públicas e os altos valores das instituições particulares. O sabarense Bruno Domingos Ramalho, 33, compartilha desse sonho e agora tem a oportunidade de realizá-lo.

Bruno ganhou uma bolsa parcial para cursar medicina em Kursk, na Rússia, através de um programa da Aliança Russa, entidade representante de algumas instituições de ensino superior do país do Leste Europeu. Ele conseguiu essa bolsa após passar por análise de perfil e currículo, além de entrevista.

O sabarense conta que a medicina é um sonho de infância, mas que estava adormecido. Ele já esteve próximo de fazer esse curso através de programas como o ProUni, porém não foi possível. Apesar de ter alcançado notas suficientes em faculdades particulares, mesmo com desconto os valores eram inviáveis.

Sempre dedicado, Bruno iniciou sua vida profissional como menor aprendiz em um banco e depois trabalhou em vários hotéis em Belo Horizonte. Essa atividade proporcionou que ele convivesse com vários estrangeiros, o que o motivou a estudar outras línguas. Nessa época conheceu uma professora de francês, com quem estudou por 15 anos. Bruno se formou em Letras pela UFMG com habilitação em português e francês. Ele também tem noção de italiano e inglês, língua em que o curso será ministrado na Rússia.

Ser um destaque acadêmico não é uma novidade para o sabarense. Bruno participou de um concurso realizado pelo governo da França para trabalhar como professor assistente na Europa. Ele passou em quinto lugar e trabalhou durante um ano dando aulas de português para franceses em Bordeaux.

Atualmente, Bruno está finalizando um mestrado em linguística aplicada ao ensino de línguas e se mantém dando aulas de francês. Contudo, como a bolsa é parcial ele terá que arcar com cerca de três mil dólares por semestre, valor que pesa em seu orçamento. Além disso, os custos com documentação, passagem e visto já lhe custaram praticamente 10 mil reais.

Por isso, ele está pedindo ajuda aos amigos, familiares e agora a todos os sabarenses que tiverem condições de contribuir para ele poder realizar o sonho de cursar medicina na Rússia. “Podem ter certeza que eu vou dar o meu melhor para fazer uma boa formação e, se Deus quiser, trazer essa experiência para o Brasil e dar um retorno para a sociedade. É um sonho de infância que vou fazer com muita dedicação e paixão”, afirma Bruno.

Casado e pai de um menino de dois anos, ele diz que a distância da família é um dos fatores que mais pesam nesse momento, já que o curso tem a duração de seis anos. Mesmo assim, ele recebe o apoio de sua esposa Juliana Ramos Sepúlveda Oliveira Ramalho. “No início achei muito difícil, mas agora estou mais tranquila porque a gente sabe que é um esforço que vai valer a pena. Isso é um sonho conjunto e nós nos incentivamos muito”, diz Juliana, que está fazendo o curso de direito.

O sabarense espera utilizar sua técnica de aprendizagem de línguas e sua experiência de intercâmbio na França para se adaptar o mais rápido possível a vida na Rússia. Mas para isso ele vai precisar da ajuda de muitas pessoas, uma vez que até o final de agosto ele precisa conseguir sete mil reais para poder partir em setembro para o Leste Europeu.

Quem tiver interesse em ajudar pode fazer um depósito na CC 29.067-X – AG 2556-9 Banco do Brasil. Bruno diz que está à disposição para conversar com quem quiser o conhecer melhor e que está tudo organizado para fazer a prestação de contas para que as pessoas possam ver como ele está procedendo com as contribuições. O telefone de contato é o (31) 99642-3815.

GERAIS
27 DE ABRIL DE 2015
Rede Sindijori de Comunicação
18 DE OUTUBRO DE 2016
19 DE JUNHO DE 2019
REDE DE NOTÍCIAS SINDIJORI
28 DE DEZEMBRO DE 2018
“Um olhar para o próximo”
SIGA A FOLHA DE SABARÁ:
2015 © Todos os direitos reservados