QUINTA-FEIRA, 18 DE JUL DE 2019
Untitled Document
NOTICIÁRIO - CULTURA
08 DE MAIO DE 2019
Clipe gravado em Sabará é destaque na revista Rolling Stones

“Fast Heart” é o mais novo clipe da banda Young Lights que tem no vocal Jay Horsth radicado em Sabará há nove anos, o músico já se identifica como um sabarense, embora tenha nascido em Belo Horizonte e tenha vivido a maior parte de sua vida nos Estados Unidos.

A Young Lights foi formada em 2015, nessa altura Jay já havia gravado dois discos solos, mas acompanhado por uma banda. Os membros da banda se encontraram naturalmente no mundo musical e resolveram se juntar. A banda já está em seu quarto trabalho. E a música escolhida para o clipe é do disco gravado em 2017..

O clipe tem a participação de Gustavo Bertoni vocalista da Scalene e foi gravado em parceria com o projeto Videoclipers, realizado com o duo de filmmakers Diana Boccara e Leo Longo (juntos chamados sob o nome de Couple of Things).

Com o clipe de "Fast Hearts", o sétimo projeto do Videoclipers, foi rodado dentro das características propostas pelos filmmakers, em plano sequência, o que, neste caso, acrescenta mais intensidade ao resultado final.

No vídeo, Jay e Gustavo são inimigos, rivais, em cena cheios de sangue falso, terra e pouca luz. Um embate final entre eles, com Gustavo preso e torturado, é o resultado desse encontro.

Jay conta que pensou em várias localidades, mas não tinha imaginado gravar em Sabará, foi quando um dia voltando do Sebastião Gourmet viu um campo, muito escuro e então deu o click.

Para Jay, participar de todo o processo desde a composição da música até a conclusão do clipe, inclusive com sua atuação, serviu para ele se enxergar como um músico. “Depois de tudo pronto, eu pensei o que realmente essa música foi para mim. Em minha vida não me sentia músico, eu simplesmente fazia. Depois desse momento eu me identifiquei como artista. Músico, idealista, compositor”, ressaltou.

O músico diz que tradução de “Fast Heart” é coração acelerado. Jay explica que a letra pergunta o que faz seu coração acelerar? “O coração acelerado quer dizer sobre suas experiências do dia-a-dia. Da importância de liberar seus demônios. Eu uso a música para fazer isso. Eu uso o palco. Muita gente entra em drogas, bebida, escolhe um caminho autodestrutivo. O importante dessa música é mostrar que não pode entrar nessas para acelerar o coração. Graças a Deus eu achei a música”, ressalta.

Em agosto a banda lança um novo disco. Agora com uma nova formação e uma pegada um pouco diferente. “Estamos querendo fazer algo com mais identidade, mais experimental, bizarro, para agitar a galera”, conta.

Jay diz que o clipe teve muita repercussão, e foi muito bom ter saído na Rolling Stones. “Isso nos inspira e motiva a continuar a fazer nosso trabalho”, destaca.

Sabará

Vivendo nos Estados Unidos, na cidade de Boston, boa parte de sua vida, Jay conta que estranhou quando seus pais decidiram morar em Sabará, a princípio acreditou que não fosse se adaptar, mas se enganou.

Na cidade, Jay começou a se relacionar com o Coletivo Fórceps, um grupo de artistas de diversas áreas com o objetivo de fomentar a cultura em Sabará e trocar ideias com artistas de várias partes do país. Para Jay, que já estava ligado com a música desde muito jovem, o grupo realmente foi um achado. O músico então mostrou seu trabalho para o grupo e logo se encontrou. Foi assim que sua carreira começou a ser traçada em terras brasileiras. “Acho que Sabará tem que ser mais valorizada é um lugar incrível, onde eu trago todos os meus amigos, não consigo me ver morando em outro lugar”, afirma.

Para quem quiser conhecer mais da banda e ver outros clipes basta entrar em: https://www.youtube.com/user/younglightsbh

CULTURA
27 DE ABRIL DE 2015
REGISTRO ÚNICO E INOVADOR
26 DE MARÇO DE 2019
História, Saúde e Sabor
27 DE JULHO DE 2018
A arte de bordar
SIGA A FOLHA DE SABARÁ:
2015 © Todos os direitos reservados