SEGUNDA-FEIRA, 22 DE OUT DE 2018
Untitled Document
NOTICIÁRIO - ESPORTES
23 DE ABRIL DE 2018
80 anos do primeiro título do Siderúrgica

No dia 3 de abril o clube sabarense comemorou a conquista de seu primeiro Campeonato Mineiro

Na semana em que encerramos mais um Campeonato Mineiro, tendo o Cruzeiro como Campeão, relembramos do primeiro título do jovem Siderúrgica, com apenas oito anos de história.

O ano era 1938, mas o campeonato estadual de 1937 ainda não havia terminado, naquela época o Campeonato Mineiro começava em novembro e virava o ano, o Siderúrgica alcançaria naquele ano uma de suas maiores conquistas. O primeiro campeonato estadual.

Os times que disputaram o campeonato foram: América, Atlético, Cruzeiro, Retiro Sport Club de Nova Lima, Siderúrgica e Vila Nova. A competição foi disputada em pontos corridos, com turno e returno.

Embora o Siderúrgica tivesse feito uma campanha irregular no primeiro turno, com apenas uma vitória em cinco jogos, o time se recuperou no returno e venceu quatro das cinco partidas, se classificando em primeiro. O segundo lugar ficou com o Vila Nova que tinha o mesmo número de pontos, perdendo apenas no saldo de gols. O time novalimense era forte e o favorito, pois havia vencido os três últimos campeonatos estaduais.

A final prometia e seria disputada em três jogos. O Esquadrão de Aço acreditava no seu time e não temia o tricampeão mineiro. O primeiro confronto aconteceu no dia 20 de março, um domingo, no Estádio do Barro Preto, do Cruzeiro. O Siderúrgica começou na frente, com um gol logo aos dois minutos, mas deixou o Vila Nova empatar e virar o jogo, finalizando a partida em 3x1 para o time novalimense.

A segunda partida aconteceu cinco dias depois, sexta-feira à noite, no Estádio Antônio Carlos, do Atlético. Desta vez só deu Siderúrgica, era a chance do time, já que se o Vila Nova ganhasse já seria campeão. A partida ficou em 3x0 para o Siderúrgica, com dois gols de Chiquinho e um do jovem Paulo Florêncio.

Mais de uma semana depois, no domingo, 3 de abril, os times se encontraram para a grande final. O jogo aconteceu no estádio da Alameda, do América e foi o jogo mais equilibrado. O Siderúrgica venceu com o placar de 1x0, o gol foi feito aos 30 minutos do segundo tempo, por Arlindo. Mas a grande estrela do time foi o goleiro Princesa que defendeu o pênalti do atacante Carazzo.

Após a partida o Siderúrgica definitivamente entrou para o rol dos grandes times mineiros. O Clube trouxe para Sabará a Taça Cândido Gonçalves, que é conservada até hoje.

Essa final inédita entrou para a história do Campeonato Mineiro, pois foi a única vez em que o título foi disputado por dois times do interior, no total foram 104 edições do campeonato, e em todas, até hoje, havia pelo menos um time da capital.

Destaques

O time daquele ano teve alguns destaques. Arlindo, autor do gol do título, foi artilheiro do Campeonato com nove gols. O jogador repetiu o feito no ano seguinte, também com nove gols

Uma curiosidade do campeonato foi a presença dos irmãos Rômulo e Remo na final, que jogavam respectivamente pelo Siderúrgica e pelo Vila Nova.

Além disso, foi naquele ano que despontou Paulo Florêncio, que seria um dos ídolos do Siderúrgica e jogaria pelo clube por 12 anos. O jovem Paulinho tinha apenas 17 anos quando começou no clube, ele era de Itabirito e entrou para a história por ter sido o primeiro jogador a defender a Seleção Brasileira enquanto vestia a camisa de um time do interior de Minas. O feito ocorreu em 1942, quando ainda atuava pelo Siderúrgica. O jogador participou do Sul-Americano daquele ano com a Seleção Brasileira, em dois jogos, na vitória por 5 a 1 sobre o Equador e no empate em 1 a 1 diante do Paraguai.

Em 1948, Paulo Florêncio foi jogar no Cruzeiro, onde permaneceu durante oito anos, jogou também no Universidade Cenbyra, da Venezuelae e no Sete de Setembro, de Belo Horizonte, onde encerrou a carreira aos 40 anos.

Paulo Florêncio faleceu em 14 de julho de 2010, em Belo Horizonte, devido a problemas respiratórios, seu corpo foi enterrado no Cemitério da Ordem Terceira do Carmo, em Sabará. Em 2018, o jogador completaria 100 anos.

ESPORTES
04 DE SETEMBRO DE 2018
Os Mestres da Bola
SIGA A FOLHA DE SABARÁ:
2015 © Todos os direitos reservados