SÁBADO, 15 DE DEZ DE 2018
Untitled Document
NOTICIÁRIO - SAÚDE
13 DE OUTUBRO DE 2017
Tudo pode virar brincadeira

Quem irá esquecer as brincadeiras mais simples vividas na infância? A sociedade moderna vive em um período de grandes mudanças. Nos últimos anos, percebe-se o avanço tecnológico, conectando as pessoas ao mundo rapidamente, além das transformações nas relações e nas suas configurações. Todo esse movimento se reflete na criança e em seu brincar, modificando suas relações com o mundo e consigo mesma. Desta forma, quando se reflete sobre o brincar, é fundamental entender que a criança cria um mundo lúdico (aprende habilidades e tem acesso aos conflitos internos), e a família precisa compreender a importância do brincar em prol do desenvolvimento, tendo o brincar como uma forma de linguagem para facilitar a expressão e também a comunicação. Por meio do brincar, podem-se promover na criança as reconfigurações necessárias ao bem-estar e ao resgate de um funcionamento saudável na sua interação com o meio. Neste viés, é importante o papel da família, escola, atividade física, o psicólogo e o convívio com outras crianças. São recomendáveis então brincadeiras e brinquedos que vão desenvolver crianças para lidar com seus conflitos, emoções, para serem capazes de aceitar e reconhecer de forma única e singular o meio em que vive e suas relações.

Gislene Ramalho

Psicóloga/Coach

CRPMG 35.178

Rua Dom Pedro II, 239 – sala 105

Centro – Sabará

SAÚDE
02 DE MARÇO DE 2018
SIGA A FOLHA DE SABARÁ:
2015 © Todos os direitos reservados