QUARTA-FEIRA, 18 DE JUL DE 2018
Untitled Document
NOTICIÁRIO - POLÍCIA
30 DE AGOSTO DE 2017
Pai arma para prender homem que marcou encontro com menor

Um homem foi preso na última terça-feira após marcar um encontro com uma menina de 13 anos, próximo à Praça de Esportes. De acordo com o relato do pai da menor nas redes sociais, o senhor havia feito uma solicitação de amizade para sua filha no dia 10 de agosto, dizendo que era pastor aqui na cidade, a menina achou estranhou e mostrou para o pai. Ele então aceitou e resolveu monitorar a celular da garota.

No dia 17 de agosto o homem chamou a menina para conversar e o pai respondeu. Em pouco tempo o suposto pastor já falou que sonhou com a garota e queria encontrá-la. O pai então marcou o encontro. Antes, porém, entrou em contato com a Guarda Municipal que o orientou que prosseguisse com a ideia, mas eles agiriam juntos.

Na hora do encontro o pai apareceu com a Guarda Municipal, o secretário de Defesa Social e a Polícia Civil que fez a prisão do homem que estava à espera da menor, inclusive levando um presente para garota como havia prometido em uma das conversas.

O secretário de Defesa Social, Welington Duarte Ribeiro, conta que o celular do homem foi apreendido pela Polícia Civil, onde foi averiguado que ele tentou entrar em contato com outros menores através das redes sociais, mas na maioria dos casos os adolescentes não aceitaram a solicitação de amizade.

Welington aconselha aos pais a manter uma relação bem próxima com os filhos, para que as crianças possam adquirir confiança na relação. “Nós só conseguimos sair com êxito dessa situação, devido a confiança que essa filha tem com o pai, porque se não houvesse isso, a menina teria receio em mostrar para o pai, e nada disso teria acontecido”. Ele afirma que é muito importante conversar sempre e acompanhar os filhos, principalmente nas redes sociais que é muito ampla e as crianças e adolescentes ficam à mercê de muitos riscos.

O secretário alerta ainda que sempre que um cidadão se deparar com uma situação como essa, deve entrar em contato com a Guarda Municipal que está à disposição para combater esse tipo de situação.

De acordo com a Polícia Civil, o homem foi conduzido à Delegacia para prestar depoimento, mas foi liberado, pois não havia elementos suficientes que caracterizassem um flagrante. A Polícia explica que se caso a adolescente fosse ao encontro ou se fossem encontradas no celular ou computador do envolvido imagens de cunho sexual infantil, estaria caracterizado um flagrante, o que não foi o caso. Ainda segundo a Polícia, a garota não foi ao encontro para se preservar.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil como pedofilia, o homem ainda prestará depoimentos, assim como sua ex-esposa e provavelmente sua prisão será decretada.

Contato da Guarda Municipal: 3671-1649 ou 153 (24 horas)

POLÍCIA
14 DE NOVEMBRO DE 2017
Segurança Pública em Sabará
SIGA A FOLHA DE SABARÁ:
2015 © Todos os direitos reservados