SEXTA-FEIRA, 15 DE DEZ DE 2017
Untitled Document
NOTICIÁRIO - POLÍTICA
08 DE JUNHO DE 2017
Transformando a sociedade

A Ong Rede Colaborativa Brasil existe há pouco mais de um ano, quando foi registrada oficialmente como uma ONG, mas os trabalhos realizados pelas pessoas envolvidas já vêm transformando a realidade de muita gente há cerca de oito anos.

A ONG é a realização de um sonho de Sidney Eustáquio Alexandre, o Sidinho da ONG, atualmente vereador. Ele conta que a ideia surgiu através de um trabalho de pesquisa quando cursava uma especialização no Terceiro Setor, juntou o conhecimento acadêmico, com a experiência de vida, por morar em uma região que não tinha um local que oferecesse algo que pudesse inserir os jovens e adolescentes no mercado de trabalho, dessa forma nasceu a Rede Colaborativa.

Embora esteja inserida no bairro Alvorada e tenha uma forte atuação na região, a ONG atende toda a cidade, já que pessoas de várias regiões se beneficiam com os serviços oferecidos, principalmente os cursos profissionalizantes.

A Rede Colaborativa está baseada em três pilares: Projetos Culturais, Atendimentos Sociais e Cursos Profissionalizantes.

Projetos Culturais

Os projetos culturais desenvolvidos pela ONG estão voltados principalmente para as escolas da regional Ana Lucia, local onde está inserida. Essas escolas são apadrinhadas pela ONG e vários trabalhos são realizados nas instituições. Além disso, contribuem no fortalecimento da cultura local, valorizando os lideres comunitários que realizam festas em datas comemorativas ou promovem Ruas de Lazer. A Rede dá um suporte na questão burocrática e também oferece a estrutura do evento. O objetivo é levar o desenvolvimento comunitário, socialização e valorização do espaço onde a pessoa vive.

Atendimentos Sociais

A ONG oferece atendimento jurídico e psicológico, atualmente conta com dois profissionais de cada área. Em 2016 o atendimento jurídico chegou a 200 pessoas, sendo que 15% deram entrada e concluíram o processo. E mais de 100 pessoas foram atendidas pelos psicólogos, sendo que 20% continuaram o tratamento.

Cursos Profissionalizantes

Os serviços mais procurados na ONG são os cursos profissionalizantes. Sidinho explica que os cursos são semestrais e a cada semestre pode mudar a oferta, pois as áreas são baseadas nos profissionais voluntários que se cadastram para lecionar as aulas.

Em 2016, a Rede Colaborativa ofereceu cursos de corte de cabelo masculino; cuidador de idoso, auxiliar administrativo, recepcionista e designer de sobrancelhas. Foram 153 alunos formados no fim do ano. Destaque para os cursos de cuidador de idosos que já empregou 40% dos alunos e o de corte de cabelo masculino que também já tem 30% dos alunos empregados.

No primeiro semestre deste ano a ONG ofereceu cursos de cuidador de idoso, corte de cabelo masculino, Inglês e manicure. A formatura foi no final de maio e 44 alunos concluíram os cursos.

Sidinho diz que em todos os cursos, além das aulas teóricas, os alunos têm a experiência prática. Os estudantes do curso de cuidador visitam lares de idosos e os de corte de cabelo participam de ações em escolas e ruas de lazer.

Para o próximo semestre os cursos do primeiro semestre continuam na grade e a novidade será o curso de porteiro. As inscrições começam em julho e as aulas se iniciam em agosto.

Mais informações podem se encontradas pelo telefone 3016-8801/ 97696 9136 ou através do facebook: www.facebook.com/pg/ONGRedeColaborativaBrasil.

POLÍTICA
28 DE DEZEMBRO DE 2016
Eleitos são diplomados
22 DE MARÇO DE 2017
Legislativo está de volta
13 DE NOVEMBRO DE 2017
Menos velocidade e mais SEGURANÇA
08 DE JUNHO DE 2017
Transformando a sociedade
SIGA A FOLHA DE SABARÁ:
2015 © Todos os direitos reservados