SEXTA-FEIRA, 15 DE DEZ DE 2017
Untitled Document
NOTICIÁRIO - POLÍTICA
22 DE MARÇO DE 2017
Legislativo está de volta

Na terça-feira, 21 de fevereiro, foi realizada a primeira reunião ordinária do novo legislativo sabarense 2017-2020, os quinze vereadores compareceram. A Casa estava lotada, eram muitos assessores, alguns órgãos de imprensa e muito cidadão interessado em conhecer os novos vereadores, já que dos 15 eleitos, nove, são novatos na política.

A reunião foi longa, mas nenhum projeto foi votado. Durante o primeiro expediente todos os vereadores subiram à tribuna e apresentaram seus requerimentos e indicações. Os requerimentos foram muitos, em sua maioria voltado para a Secretaria de Obras, como pedidos de limpeza e capina nas ruas, serviços de tapa buracos, reforma e melhorias em algumas quadras e campos da cidade, asfalto, construção de passagem de pedestre sobre córrego, entre outros. Além disso, os vereadores pediram a conclusão de muitas obras do antigo governo, principalmente em algumas Unidades Básicas de Saúde que não foram concluídas e solicitaram também a melhoria no atendimento das UBS’s e o aumento de medicamentos disponíveis.

Nas indicações houve solicitação para a criação do Dia do Músico Sabarense, implantação do Taxi Lotação e transformação em Utilidade Pública a entidade Bordares. E ainda o pedido de revisão da Lei Orgânica do Município de 1990 e da celebração de um convênio entre as Secretaria Municipal e Estadual de Saúde para a cidade oferecer tratamento para doentes renais.

Em assunto relevante o vereador Roberto do Bar denunciou sobre um convênio firmado, em 2016, entre a Prefeitura de Sabará e a empresa Embrapa, mineradora situada no bairro Taquaril, em Belo Horizonte. O convênio permite a passagem de caminhões carregados de minério, em General Carneiro, passando pela Via Borba Gato e rua Carvalho de Brito. O vereador alega que o tráfego de carretas vai gerar muitos problemas para a comunidade, já que as vias não estão preparadas para receber esse tipo de transporte, onde cada carreta carrega cerca de 30 toneladas o tráfego é intenso. O parlamentar ressaltou ainda que além de danificar as vias, essa rota pode prejudicar a saúde das pessoas que moram na região devido ao pó do minério. Segundo Roberto, o objetivo é desfazer a celebração desse convênio.

No terceiro expediente os vereadores se apresentaram, agradeceram os votos que o levaram ao Legislativo e falaram sobre as expectativas do mandato que se inicia. O ex-presidente da Câmara vereador Marcus do Leite apresentou uma planilha de gastos de dezembro de 2016, ressaltando que entregou a Casa com um crédito de quase R$ 130 mil e ainda com R$ 55 mil para restituir o Executivo.

POLÍTICA
28 DE DEZEMBRO DE 2016
Eleitos são diplomados
22 DE MARÇO DE 2017
Legislativo está de volta
13 DE NOVEMBRO DE 2017
Menos velocidade e mais SEGURANÇA
08 DE JUNHO DE 2017
Transformando a sociedade
SIGA A FOLHA DE SABARÁ:
2015 © Todos os direitos reservados