SEXTA-FEIRA, 24 DE NOV DE 2017
Untitled Document
NOTICIÁRIO - CULTURA
25 DE ABRIL DE 2016
SEMINÁRIO CELEBRA MEMÓRIA DO MUSEU DA LÍNGUA PORTUGUESA

Evento nos dias 2 e 3 de maio, em São Paulo, vai analisar os 10 anos do museu, atingido por um incêndio em dezembro, e refletir sobre caminhos possíveis para a reconstrução

A Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, a Fundação Roberto Marinho e a organização social ID Brasil realizam, nos dias 2 e 3 de maio, o seminário Museu da Língua Portuguesa – Conquistas e Desafios.

O objetivo é analisar os resultados conquistadosnos 10 anos do Museu da Língua Portuguesa, que abriu as portas ao público em 21 de março de 2006 e recebeu cerca de 4 milhões de visitantes até dezembro do ano passado, quando foi atingido por um incêndio. O encontro, que é destinado a profissionais das áreas de patrimônio e cultura, vai provocar também reflexões sobre o futuro do museu, e compartilhar diretrizes para a sua reconstrução.

“O Museu da Língua Portuguesa inaugurou um novo tipo de instituição museológica no Brasil. No momento em que nos preparamos para sua reconstrução, é importante analisar os resultados conseguidos nestes 10 anos e refletir sobre o seu futuro, para que continue sendo uma importante referência cultural no mundo lusófono”, afirma o secretário da Cultura do Estado de São Paulo, Marcelo Mattos Araujo.

“Quando o Governo do Estado de São Paulo convidou a Fundação Roberto Marinho a criar um projeto de restauro e revitalização de um dos prédios históricos mais importantes de São Paulo, a centenária Estação da Luz, pensamos em um espaço para celebrar a nossa identidade. A partir daí, avançamos para a concepção de um museu que proporcionasse ao visitante a perspectiva de que a língua não é apenas uma ferramenta para comunicação: é um valioso patrimônio imaterial que diz respeito ao que pensamos, fazemos e sonhamos. Ao realizar esse seminário, celebramos a memória do Museu da Língua Portuguesa, que se consolidou como um dos mais visitados do país e uma iniciativa ímpar no mundo da comunidade lusófona, premiado e reconhecido por sua inovação”, destaca Hugo Barreto, secretário-geral da Fundação Roberto Marinho.

“Após momentos difíceis, todos nos unimos para uma saudável discussão sobre as conquistas de um dos Museus mais visitados e queridos do Brasil e para, juntos, construirmos mais uma fase em sua trajetória, que, certamente será longa e dinâmica como nosso próprio idioma”, completa o diretor do Museu, Antonio Carlos Sartini.

Participam do seminário, que será realizado no auditório da Pinacoteca do Estado de São Paulo, profissionais envolvidos na criação e implantação do Museu, em 2006, representantes de instituições portuguesas e integrantes de equipes do atual projeto de restauro.

Dentre eles, o diretor Antonio Carlos Sartini; o secretário-geral da Fundação Roberto Marinho, Hugo Barreto; o diretor-executivo do ID Brasil, Luiz Bloch; a presidente do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, Ana Paula Laborinho; o arquiteto e coautor do projeto original do Museu, Pedro Mendes da Rocha; os curadores da Praça da Língua, José Miguel Wisnik e Arthur Nestrovsky; o diretor do programa Gulbekian de Língua e Cultura Portuguesa, Rui Vieira Nery; o presidente do Comitê Brasileiro do Conselho Internacional de Museus, Maria Ignez Mantovani Franco.

As inscrições para o Seminário são gratuitas e podem ser feitas no site do Museu da Língua Portuguesa: www.museudalinguaportuguesa.org.br

Convênio para reconstrução

Em janeiro de 2016, foi firmado convênio entre a Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, a Fundação Roberto Marinho e a organização social ID Brasil, com o objetivo de reconstruir o Museu da Língua Portuguesa no menor prazo possível. Com esse mesmo objetivo, em 21 de março, o Governo do Estado de São Paulo e a Fundação Roberto Marinho deram início a uma articulação junto à iniciativa privada para formar uma aliança solidária em apoio à reconstrução e restauro das áreas afetadas pelo incêndio, contemplando, também, atualizações da concepção curatorial, expográfica e do projeto de acessibilidade.

Ações emergenciais

Estão sendo realizadas ações emergenciais no Museu da Língua Portuguesa, com o objetivo de preservar o conjunto arquitetônico protegendo das chuvas e retirando os escombros para liberar os espaços para os trabalhos de restauro e recuperação. São elas: impermeabilização das lajes expostas, a instalação de sistemas de drenagem e a construção de uma sobrecobertura provisória.Também estão em andamento as negociações com a seguradora do Museu para definir o valor final da indenização, assim como a adaptação do projeto, tomando como base o projeto original desenvolvido pelo escritório dos arquitetos Pedro e Paulo Mendes da Rocha para o restauro anterior, finalizado em 2006.

SERVIÇO

SEMINÁRIO MUSEU DA LÍNGUA PORTUGUESA – CONQUISTAS E DESAFIOS

Data: 2 de maio (das 9h30 às 18h) e 3 de maio de 2016 (9h30 às 16h30).

Local: Auditório da Pinacoteca do Estado de São Paulo (Praça da Luz, 2)

Capacidade: 130 lugares

Inscrições e Programação: www.museudalinguaportuguesa.org.br

CULTURA
27 DE ABRIL DE 2015
REGISTRO ÚNICO E INOVADOR
08 DE JUNHO DE 2017
Festa de letras e encanto
07 DE AGOSTO DE 2017
Paixão por contrastes e misturas
31 DE OUTUBRO DE 2017
Dez anos do Sarau de Sabará
20 DE FEVEREIRO DE 2017
Aerofusca com muitas novidades
20 DE FEVEREIRO DE 2017
13 DE OUTUBRO DE 2017
Diário de uma Alma
13 DE OUTUBRO DE 2017
Entre duas Pátrias
03 DE FEVEREIRO DE 2017
Contando, cantando e encantando
03 DE FEVEREIRO DE 2017
Encontro de Bordadeiras é um sucesso
21 DE NOVEMBRO DE 2017
Poeta das imagens
SIGA A FOLHA DE SABARÁ:
2015 © Todos os direitos reservados